Alcoól e direção não se misturam!

  Esta é Jacqueline antes.

image                      image

Esta jovem foi a uma festa com amigos, na volta p/ casa um motorista que havia tomado umas geladinhas a mais, perdeu o contrôle do veículo que veio a se chocar com o carro dos jovens, que veio a se incendiar, a maioria dos amigos dela morreram ali queimados, ela foi uma das poucas que escapou com vida, mas ficou assim.

image   image

image Logo após o acidente.

Cinquenta cirurgias depois, ficou assim >    image

Recebi uma apresentação PPs, de uma amiga com o relato desta jovem, e url do site dela, onde faz campanha contra dirigir alcolizado.

Muito bem redigido e traduzido o PPs, e diz que a decisão de não dirigir embriagado, deve ser tomada antes de sair d casa p/ a balada.

Se optar por tomar todas e mais um pouco, o motorista deve descidir antes, e no caso largar o carro em casa, usar um taxi, ou contar com ajuda dos amigos sóbrios.

Sempre q eu saio de carro, algumas vezes p/ balada, onde o povo toma todas, como já descidi antes de sair, eu bebo muito pouco, mais para fazer companinha aos amigos, mas sempre e invariávelmente dentro dos meus limites aceitáveis, q é só 1 latinha d cerveja. Raras as vezes em que fui além disto, quando ocorre, é porque não vou dirigir em breve, já vi q vai demorar aquela balada, quando passo dos limites, nestes casos, eu espero p/ melhorar, ou melhor passar o efeito do alcoól, baixar a dosagem no sangue p/ possibilitar digirir sem botar a minha vida em risco, nem dos outros. Algumas vezes, tive q ficar andando em volta do quarteirão até melharar p/ poder ir em bora.

Jamais misturar as duas coisas, alcoól e direção, esta mistura não dá certo!

Identica a mistura fogo e pólvora, é exatamente por ai!

Domingo por volta das 2hs Am, na balada, estava na Paulista ao lado do Trianom, em frente ao Masp, tomando 1 latinha d skol com gêlo no copo, quando atravessava a rua um grupo de jovens, entre seus 16 e 17 anos, rapazes e moças, todos de preto, parecia que estavam indo a um enterro. Nem terminada a travessia da rua foram atacados violentamente por dois skin heads (cabeças peladas), que deviam estar de moto, pois usaram os capacetes p/ ajudar na agressão aos jovens, além de socos e pontapés. Agressão gratuita pelo q percebi do pouco diálogo que houve, os agressores alegaram, – "o q voceis estavam olhando p/ gente, não tá vendo q somos carecas", "com carecas ninguém se mete".

Deixando evidente tratar-se de skin heads, isto é grupos neonazistas, que tem por filosofia o preconceito racial. Com certeza atacaram o grupo por serem diferentes deles, e só por isto, imaginaram que os jovens de preto, eram da periferia, nem sei s eram d fato, mas presumiram, foi o suficiente p/ partirem p/ cima e agredir, sem motivo nem um, gratis.

Eles são contra negros, mulatos, pardos, vermelhos, amarelos, contra pobres em geral, imigrantes todos, nordestino todos, gays, homosexuais, viados e toda espécie diferente, sendo diferente deles são as vítimas. Mas este preconceito não tem nem razão de ser em si mesmo, pois a população brasileira é feita toda de gente de tudo que é etnia, não temos mais brasileiros natos, seriam só os indios, o resto é descendente de estrangeiros (gringos), ninguém é mais puro no Brasil, relativo a raça, nem os negros retintos. Este grupo neonazista acham quem eles vieram d onde? Filhos de chocadeira? Todos descendentes de estrangeiros imigrantes, ou italianos, espanhois, alemães e etc….., com certeza alguns com o pé na cesala, mas não sabem, não foram investigar seu próprio passado, isto é, de suas origens. Só por que são brancos na aparência, não quer dizer que são nos gens, no seu DNA.

Na praça da República anos atrás foi atacato até a morte uma pessoa, se não m engano era um garçon que voltava p/ casa de madrugada, só por que era gay.

Ai eu pergunto, assassino tem raça?

Entre os assassinos há diferenças?

Anúncios

Sobre ricbrsp

Nascido em Lins/SP, criado na Capital paulista, formado advogado pela Unb (Brasília-DF), é autônomo em sampa, divorciado, vive com seus filhos. Ocupando meu espaço na web.
Esse post foi publicado em Não categorizado. Bookmark o link permanente.

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s