Interesse Público – Rodízio de veículos SP aumento de restrição.

Deu na folha – http://www1.folha.uol.com.br/folha/cotidiano/ult95u352419.shtml

A Câmara Municipal de São Paulo aprovou em primeira votação na quarta-feira (5) um projeto de lei do vereador Ricardo Teixeira (PSDB) que amplia o rodízio de veículos em São Paulo.

Se o projeto virar lei, metade dos veículos ficarão impedidos de circular durante uma hora e meia durante a manhã (entre as 7h e as 8h30 ou entre as 8h31 e as 10h) e mais uma hora e meia durante a tarde (entre as 17h e as 18h30 ou entre as 18h30 e as 20h), de segunda a sexta. A determinação da restrição ocorreria de acordo com o final da placa –se é par ou ímpar– e com o ano.

O projeto ainda deve sofrer emendas e passar por nova votação antes de ser encaminhado para sanção do prefeito Gilberto Kassab (DEM). Ainda não há datas definidas para os trâmites do projeto.

Rodízio

Atualmente, o rodízio proíbe a circulação de 20% da frota (dois números de placas por dia, de segunda a sexta-feira) em horário de pico –das 7h às 10h e das 17h às 20h– no chamado centro expandido de São Paulo –o anel formado pelas marginais dos rios Pinheiros e Tietê e as avenidas Salim Farah Maluf, Luiz Inácio de Anhaia Melo, Juntas Provisórias e Bandeirantes. A frota da cidade é de aproximadamente 6 milhões de veículos.

A infração é considerada média, e o motorista fica sujeito à multa de R$ 85,13 e quatro pontos na carteira de habilitação.

A idéia é reduzir o número de carros em circulação nestes horários de pico, e evitar o costumeiro 200 Km de lentidão, antes raro, ficou comum.

Minha opinião é botar band-aid no paciente moribundo com câncer, só vai aliviar, mas não vai resolver o problema, medida paliativa diante da falência viária da Grande São Paulo, onde metade da frota nacional se locomove, incluindo caminhões e ônibus.

Os parlamentares paulistas, que em seus carrões oficiais não padecem desta restrição no transito, parece que não estão informados da falência múltipla de órgão do sistema de transporte público, este povo todo q não vai poder circular de carro nestes horários vão fazer o que, se não cabem, tmb, no metrô, nos ônibus, não há espaço físico p/ comportar tal população neste mesmo horário da restrição do rodízio municipal. 

Espero sinceramente que este projeto de lei não passe, ou ainda o prefeito vete por inteiro.

Em princípio a idéia não é de toda tão má, assim, quem sabe bons ajustes, menos abrangentes, sem este corte drástico nos carros em circulação nestes horários, e que se mantenha tal restrição só neste centro expandido, como é atualmente, pois fora desta região o transito frui normalmente, não há tantos problemas de congestionamento, só nas vias principais (arteriais).

Anúncios

Sobre ricbrsp

Nascido em Lins/SP, criado na Capital paulista, formado advogado pela Unb (Brasília-DF), é autônomo em sampa, divorciado, vive com seus filhos. Ocupando meu espaço na web.
Esse post foi publicado em Notícias e política. Bookmark o link permanente.

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s