Ainda bem que a internet não é tão livre assim

Minha sorte é que a internet não é tão livre como eu acho que deveria ser, um espaço democrático para todos, com acesso amplo a tudo da e na rede mundial de computadores (www)!

Utopia, a humanidade sempre cultiva esta de igualdade, nunca foi assim, e nunca será!

Nem no mundo real, nem na web, nunca seremos iguais, por mais que eu queria, e escreva no meu blog, que apoie esta causa da internet livre para todos, sonhar o mesmo sonha de Aaron Swartz, Julian Assange, entre outros sonhadores.

Se os países islâmicos, não filtram a navegação na web, principalmente no facebook, como tantos outros eu já tinha sido julgado, e condenado a morte em razão das coisas que escrevo sobre esta fé, e os países que ela impera, igual ao cartunista condenado por charge  de Maomé. Só o uso deste nome na postagem já bloqueia tudo por lá.

Se eu tiver o azar de um post acabar virando manchete internacional de opinião contrário ao Islã, eu tô lascado, heim… kkkk

Escrevi esta crônica, pois tenho muitos conhecidos em países assim, onde o destino de qualquer cristão é a morte, ex parceiros de jogos (player) da Zinga, como FarmVille, CityVille, e etc., devem passar de uma centena, que, graças ao bom Deus não leem tudo que eu posto no facebook e neste blog, pois compartilho todos os posts, e por conta da forte censura nestes países, além da língua dificultar um pouco, mas com ás ferramentas modernas da internet, desconfio que tudo que posto no meu blog escrito em português é traduzido imediatamente p/ o inglês,  e exibido traduzido, como se eu escrevesse em inglês, leio alguns dos comentário, com endereço de e-mail “.com.br” todo escrito em inglês, por isto minha forte desconfiança.

Anúncios
Publicado em Computador e Internet, Poesia, versos, prosas, crônicas e etc... | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

Errar é o que difere o ser humano de tudo que há no universo!

Errar é o que difere o ser humano de tudo que há no universo!

Tudo é previsível no universo, cada estrela, nebulosas, sistemas planetários, reações química são repetida milhões de vezes sempre com o mesmo resultado, só o ser humano, que nasce errando, e morre sem conseguir acertar 100%!
Seja rico, ou pobre, branco, ou preto, inteligente, ou nem tanto, errar faz parte, é nosso cotidiano, por mais que agente tente, faça força, faça pose de certinho, não tem este, não tem bom!

Respondi um post no Facebook da Magali, com o título desta postagem, e fiquei pensando melhor, resolvi explicar em nova postagem, mas ficou tão bom a ideia, que virou postagem no meu blog. A tradução vai prejudicar muito o entendimento, escrito em português do Brasil.

 

Tudo que existe, da menor partícula, até os sistemas colossais, os diferentes formas de buraco negro, geralmente não entendermos como tudo isto acontece no universo, ou melhor, ainda não encontraram a explicação de tudo, mas a humanidade sempre esteve na busca de conhecer tudo o que a vista alcança, até esta expressão, com a evolução  da ciência, vejo agora, como ela se desenvolveu nesta meta, neste sentido de buscar explicar ás coisas que os olhos viam, na medida que a forma de observação foi desenvolvendo, junto de várias áreas da ciências, e hoje a vista alcança bem longe do macro universo, ao micro.

No reino dos seres viventes (animais e vegetais), mesmo ás aberrações da natureza só não entendemos como tudo acontece, mas já temos muita noção do que se passa, graças a evolução, tmb, dos meios de observação, ou seja, do uso da ferramenta adequada para (observar) entender como acontece (estudos científicos).

O ser humano já enxerga bem longe, tanto macro, como micro, mas está longe de entender como passamos a vida toda errando, isto é, cometendo erros de toda ordem, relativamente a nós mesmos, e sobre o mundo que nos cerca, pois nossa mente sadia, ou não, está sempre on line (ligada), até quando dormimos, ela só desativa alguns sensores, diria assim, interrompe os principais sentidos que nós conecta ao mundo (visão, audição, tato…), mas não para de processar informações, inclusive não pode ficar off, pois precisa do suporte á vida, os estímulos mínimos para manter o corpo vivo. Os aparelhos usados nas UTIs, justamente ficam medindo este suporte de vida, quando o cérebro falha para manter a respiração, ou os batimentos do coração que os aparelhos monitoram estas falhas.

Com toda esta capacidade de processamento de dados, de aprendizado com os erros, nós não conseguimos passar um dia sem errar, sem pisar na bola, sem chutar o pau da barraca, tudo porque cometemos enganos, erros, por mais que vivamos, ás mesmas experiências de vida se repetem, e em nossa humanidade continuamos a errar!

Todo dia é um novo dia para errarmos!

Eu ia afirmar que – “o ser humano só não erra quando dorme!”, mas nem assim nos livra dos erros, até hoje no mundo todo teve gente que perdeu o emprego porque dormiu! Tem gente que perde a vida num cochilo de segundos, na condução de algo rápido.

Lembrei de um vídeo q vi no Youtube, num avião pequeno, só cabia duas pessoas, na posição do piloto, e do copiloto, só um sabia pilotar, e o cara fez uma encenação, fingiu que tinha tido um treco e morrido deitado sob o manche, e o avião embicou p/ baixo, o passageiro apavorou, viu a morte certa, coitado, isto não se faz, quase mata do coração, e nós somo tão sacanas, que assistimos, e ainda achamos graça da desgraça dos outros, é mole?

Publicado em Poesia, versos, prosas, crônicas e etc..., Saúde e bem-estar | Marcado com , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

Finalistas do 10º concurso de fotos Smithsonian Magazine

Algumas das fotos finalistas do 10º concurso anual da Smithsonian Magazine.

The Milky Way Galaxy Exploding from Mount Rainier

Photo by David Morrow (Everett, Washington). Photographed at Sunrise Point in Mount Rainier National Park, Washington, October 6, 2012

The photographer captured this image of the Milky Way rising up from behind Mount Rainier with a Nikon D800. “The stars almost looked as though they were erupting from the mountain and I knew this was a moment in time that I had to capture,” Morrow says.

Visiting the Bronx Zoo

Photo by Vanessa Bartlett (New York, New York); October 2012, Bronx Zoo, New York City

This gorilla bounded up to the photographer as she was capturing photos of his enclosure with a Canon Rebel T3. The giant mammal remained in front of her for half an hour. “After returning home, I couldn’t stop staring at this photo,” says Bartlett, for whom photography is a new hobby. “I caught exactly what I wanted: the subject’s magnificence beyond the obvious.”

An Onlooker Witnesses the Annular Solar Eclipse as the Sun Sets on May 20, 2012

The photographer captures a person framed by the annular solar eclipse, watching as the sun sets. “I feel it can inspire so many people around the world, no matter what race, religion or gender,” Pinski says. “Anyone can look at it and feel touched by a ‘beyond this world’ experience.”

Antheraea Polyphemus Caterpillar Striking a Rather Devious-Looking Pose

Photo by Colin Hutton (Durham, North Carolina). Photographed in Duke Forest, North Carolina, September 2011.

The photographer, who is always looking out for interesting insects, discovered this caterpillar while shooting footage of a jumping spider with a Canon 7D.

Mummy, I Am Down Here, and Hungry!

Photo by Bjorn Olesen (Singapore). Photographed in Sarawak, Borneo, Malaysia, November, 2010.

The morning this photo was taken was unusually quiet, Olesen says. “I was about to pack my bags I heard this juvenile Spectacled Spiderhunter (Arachnothera flavigaster) calling ‘chi-chit, chi-chit,’ trying to attract the attention of its parents above while flapping its wings.” Olesen snapped as many shots possible before the bird flew away seconds later. “[It was] the highlight of my Borneo Trip.”
Taken with a Nikon D3.

Breeding Penguins

Photo by Neal Piper (Washington, DC). Photographed at Damoy Point, Antarctica, January 2012.

The photographer waited about an hour to snap this image of Gento penguins and their newborn chicks on Antarctica. “I have always dreamed of visiting all seven continents, and on this day that dream came true,” says Piper, who took this shot with an EOS 40D.

A Man-Made Ice Geyser

Photo by Nathan Carlsen (Duluth, Minnesota). Photographed in Duluth, Minnesota, January 2012.

“A water pipe in Duluth is ‘bled’ every year to ensure it doesn’t freeze,” Carlsen explains. “As the water freezes, it builds this amazing ice geyser.” Carlsen purchased several dozen LED lights, secured them to a rope with duct tape and hung them down the center of the geyser to achieve the lighting in this image. He then captured the shot with a tripod-mounted Nikon D70.

Ants Holding Seeds

Photo by Eko Adiyanto (Bekasi, Indonesia). Photographed in Bekasi, West Java, Indonesia, April 2012.

The photographer, armed with his Nikon D70, was compelled to take this photo because he had never seen ants exhibiting their strength in this way. “It’s [a] unique and rare moment,” Adiyanto says.

A Pair of Bald Eagles Share a Meal

Photo by Don Holland (Dyer, Tennessee). Photographed in Reelfoot Lake State Park, Tennessee, January 2012.

The photographer’s wife spotted these eagles perched in a dead tree feeding on animal remains in the state park’s Upper Blue Basin. “Bird photography is very challenging and often frustrating, but the reward is the satisfaction in recognizing when the elements come together and capturing a special moment,” says Holland, who captured this image with a Canon 7D with a 600mm f/4 IS lens.

Twisted

Photo by Tim Wright (Omaha, Nebraska). Photographed in Mapleton, Iowa, April 2011.

The image conveys a sense of 3-D in the scene of the aftermath of a powerful Midwestern tornado. The camera used is a Canon 5D Mark II, and the photo is an HDR image using Photomatix HDR Pro and Photoshop CS3.

Chasing Shadows

Photo by Violet Kashi (Giv’atayim, Israel). Photographed in Tel Aviv, Israel, September 2011.

The photographer says this montage of photos, captured with a Nikon D90, captures the “unique blend of reality and make-believe” that constitutes her childhood memories.

Muitas outras foto no link http://www.smithsonianmag.com/photocontest/10th-annual/10th-Annual-Photo-Contest-Finalists-Natural-World-194333591.html.

Publicado em Computador e Internet, Multi mídia, Poesia, versos, prosas, crônicas e etc... | Marcado com , , , , | 4 Comentários

Poluição ambiental, não solução do reciclável

Como prolongar a vida útil de um material reciclável e altamente poluente do meio ambiente, dando outra destinação, ou melhor um outro uso, e sem reciclar.
A parte poluente do meio ambiente, ainda está latente, até a destruição, ou reciclagem real, e não virtual, como neste caso.
Muitas soluções que dizem sustentável, todas desta natureza, joga um tinta por cima, e diz que reciclou, chama de sustentável, muito pelo contrário, eu vejo outra coisa, é a forma de não se livrar do tal poluente, e deixá-lo, ainda poluindo, como neste caso do carcaça de pneu.
Será carcaça por mais quantos séculos, até descobrirem esta destinação? Multiplique estas 2 (duas) carcaças como na foto, quantas vão continuar assim, graças a esta (não) solução, só envernização da poluição ambiental.

Quando for um lixo altamente poluente para o meio ambiente, só é sustentável todo o material reciclado efetivamente, e indiretamente evita substituição por nova matéria prima, extraídas da natureza.

Esconder de baixo do tapete, digo dos panos, não resolve nada, não recicla nada, e só continua a poluição (latente) do meio ambiente, só está escondido, e não reciclado, só enfeitado, ou envernizado!

So Many Things

Foto: So Many Things

Publicado em Poesia, versos, prosas, crônicas e etc..., Saúde e bem-estar | Marcado com , , , , , , , , | 2 Comentários

A grande farsa do aquecimento global

A farsa mundial de aquecimento global, e a ONU bancando Rio +20, quando não existe nada disto, é uma mentira mundial coletiva, e só ficam repetindo que o planeta aquece a cada pum da vaca, eu já tinha postado, que só pode ser estórias p/ acalentar bovinos.

Pum da vaca – aquecimento global, ambientalismo

Aquecimento global

Que é farsa, não é só minha opinião isolada, mero palpite, mas é o que sabem os q lidam de fato com clima, e tem ás medições de temperatura em todo canto do planeta, e que há como tudo que é natural, um ciclo de aquecimento e resfriamento, que coincidentemente estamos em pleno resfriamento global, isto sim, e não aquecimento! Assista aos vídeos.

Esta estória p/ boi dormir de aquecimento global, começou em 1896 como teoria de aumento de CO2 provocaria aumento de temperatura na atmosfera, e muitos anos depois em campanha para Casa Branca o então candidato à candidato a presidência dos EUA, Sr. Al Gore, querendo chamar a atenção para sua campanha, em discurso inflamado, levantou esta bandeira verde,  reavivou esta antiga teoria, fazendo previsão catastróficas com o resultado do aquecimento global.

Deste discurso de campanha eleitoral sobre uma teoria não provada, hoje virou uma indústria verde da preservação do vento, mas que envolvem muitos milhões de dólares (US), até hoje, muito pelo contrário, só existe prova, pela temperatura que é medida diariamente no mundo, e a concentração de CO2, de que mostra claramente o oposto, quanto mais CO2 na atmosfera, mais frio é o clima, ou melhor, o período mais frio, em comparação direta com a redução da concentração de CO2 na atmosfera terrestre, sempre esteve mais quente, mas por outros fatores, não esta causa.

O planeta sempre esfriou e esquentou, nunca foi uniforme, há ciclos conhecidos, ligados ás erupções solares, ou seja, ás atividades do sol, que aquece 75% do nosso planeta, ou melhor, os oceanos, estes regulam a quantidade de CO2, e o regime dos ventos, e do clima global, que acontece nos outros 25% onde vivemos, e poluímos, mas não aquecemos.

Portanto podem soltar pum a vontade, pois não aquece o planeta, pode comer repolho, e tudo mais, sem medo de acabar com a camada de Ozônio,, que acabou entrando nesta onda do aquecimento, para vender protetor solar.

Sim, continua existindo câncer de pele, provocada pela exposição direta ao sol, só que sem esta tal camada de nada, nunca, teve, nunca existiu, é só p/ vender gás, só golpe industrial, só isto, só lucro em cima da ignorância, e medo sem motivo real, só invenção para ganhar dinheiro, vender coisas, que nós não precisamos realmente, mas acabam criando esta necessidade que no fundo não existe!

Os vídeos a seguir são todos de cientistas que trabalham diretamente com o clima do planeta, começamos pelos brasileiros, e no final o documentário, feito pela parte dos profissionais sérios, inclusive usando exemplos da história recente para provar por A mais B, da farsa do aquecimento global.

 

 

 

Publicado em Computador e Internet, Notícias e política, Poesia, versos, prosas, crônicas e etc..., Saúde e bem-estar | Marcado com , , , , , , , , , , , , , , , | 2 Comentários

Facebook pune usuários sem motivo

Facebook vem punindo os usuários sem motivo, parece que ele está e-doido!

Já fiquei de castigo por dois (2) dias no face, alegando que havia excedido o limite p/ add amigos, num tempo em q jogava vários jogos da Zinga, e por isto, fui um add compulsivo, e por isto, até achei q o face, tinha alguma razão, fiquei na minha (resignei).

Este ano (2013) tenho notado muitos destes ex player, parece que todo mundo, tmb, parou com os jogos, eu só fiquei um paço na frente, quando parei geral, excluí, e bloqueei todas ás publicações relativas, limpei meu face, agora só postagem mesmo. Meus amigos virtuais, ex jogadores, em vez de jogar, estão postando no face, fazendo circular montão de mentiras em lindas postagens com frases de efeito, como eu escrevi Ás mentiras de cada dia nas redes sociais, de vez em quando alguém posta algo interessante… rs…, estou exagerando um pouco… rs…, até q tenho sorte, povo q estou conectado até q são bons amigos, sempre tem algo interessante p/ compartilhar, no meio da lixarada q é normal do face.

Voltando ao e-castigo que o facebook vem aplicando nos usuários, toda semana tem um reclamando que  vai ficar dois dias de gancho (suspenso) em alguma atividade, e a coisa tá cada dia pior, são mais pessoas ao mesmo tempo com restrições.

Semana passada tinha uma amiga, injuriada por conta de denúncias por causa do conteúdo das postagens, isto é, por conta de opinião, quem discordou, ainda denunciou por alguma coisa besta, sem sentido, mas q o face muitas vezes, ou geralmente, leva a sério, como se fosse verdadeira a fofoca, e a amiga estava curtindo restrições no uso do seu face, e não é a primeira.

Sou usuário faz bom tempo, já vi acontecer com varias pessoas no facebook vítimas de falsas denúncias. Já fui vítima, tmb, anos atrás numas das mudanças nos termos de serviço do face, numa das minhas opiniões, alguém não concordou o me denunciou, e acabei pagando este mico de ficar bloqueado, restrito no uso do face.

Facebook dependente, isto é, um adicto por face, ficamos reféns de nossas conexões com a web, só p/ ficar no face???!!!

Vou informando, que existe vida virtual sem o facebook! Nem tudo é face, meu amigo, digo, Kabeção…rs….

Ainda, há muita gente que não tem, nem nunca teve perfil no facebook, alguns até desistiram, cancelando inscrição, e até hoje estão brilhando na web2 postando conteúdo de boa qualidade, com perfil em outras redes sociais, teimosamente ativas, e bombando, até mesmo por ser alternativa desta invasão facebookana, seria uma resistência pacífica???

Peço a gentileza do leitor que for usuário do facebook, comente esta postagem, informando se está, ou esteve sob restrição, e qual motivo face alegou?

Primeira vez que peço a participação ativa do leitor deste blog, ….forcei??? Será um mico público???

Meu objetivo é fazer uma pesquisa, p/ poder formar uma opinião, e poder postar sobre este assunto novamente aqui no blog, até p/ entendermos melhor como acontece, qual será o e-defeito do facebook????

Publicado em Computador e Internet, Poesia, versos, prosas, crônicas e etc... | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Alagamento em São Paulo, é mais antigo que o Brasil!

Fica o Datena jogando a culpa em todos os prefeitos, e políticos, quando a cidade alaga, e que sempre foi assim, não só em São Paulo, mas em toda esta região Sudeste, na estação das “águas de março fechando o verão”, como já cantava a MPB.

Verão é comum, ao final da tarde dar a famosa pancada, isto é, a chuva de verão, e que sempre causou inundação, principalmente nas regiões das várzeas dos rios (Pinheiros, Tietê, Tamanduateí e etc.) que cortam a cidade.

Os ventos quentes sopram da Amazônia, até o atlântico entre São Paulo, e Santa Catarina, trazendo nos ares nuvens com toneladas de água, um segundo rio Amazonas, vapor de água, que acabam se espalhando do Sul, até o Rio de Janeiro, com um pouco mais de vento chega no Espírito Santo, empurrado por uma frente fria de vem da patagônia. Quando o rio aéreo chega ao litoral, onde durante o dia o vento sempre sopra do mar p/ terra, portanto no sentido oposto do colosso de águas, quando passa pela serra do mar esfria os ventos marítimos, q encontram em sob São Paulo e Região, ás nuvens se acumulando pelos ventos contrários, e despenca um aguaceiro todo dia.

Neste ano de 2013, foi o verão mais, frio e chuvoso em muitos anos, nunca tinha visto nada assim antes, não foram em uma semana (7 dias) de sol, choveu todo dia, baixando a temperatura média p/ o verão, exatamente o oposto, e já fazendo prova da mentira do aquecimento global.

Portanto, chove muita água, em pouco tempo, o volume de uma semana, chega a chover em 5 horas de tempestade, sob a cidade toda impermeabilizada por pisos, e asfalto, e acaba como agente já conhece, mas que o vídeo a seguir explica, uma outra forma de agravar tudo isto, é q a cidade de São Paulo, nasceu em decorrência das confluência de rios, e que foi escolhido pelos índios, um trabalho que acabou neste documentário:

ENTRE RIOS from Caio Ferraz on Vimeo.

A matéria vi no blog do Tas  – Por que São Paulo alaga?

Publicado em Notícias e política, Poesia, versos, prosas, crônicas e etc... | Marcado com , , , , , , , , , | 2 Comentários